Maternidade

Quando as crianças são esquisitas para comer – Pais à beira de um ataque de nervos

Eu iniciei a introdução da diversificação alimentar com a minha filha, aos quatro meses. Eu não tinha leite materno suficiente e a Pediatra achou que podia iniciar a introdução da papa. No meu caso iniciei pela papa, mas sei que a maior parte inicia com a sopa. A explicação que a Pediatra nos deu é que a papa teria um sabor mais idêntico ao do leite (naturalmente doce como o leite) e que assim, o processo de introdução da diversificação alimentar seria mais pacífico. E assim foi. Mas a Maria nunca foi uma bebé que amasse papa, havia dias que nem lhe tocava.

Os meses foram passando, e a introdução de novos alimentos foi acontecendo muito devagar: a sopa, o iogurte. E à medida que se avançava, eu verificava que a Maria não era muito constante nos seus gostos, ora comia mais ou mesmos bem, ora não comia nada. E isso deixava-me stressada e consumia-me muita energia.  Continue reading “Quando as crianças são esquisitas para comer – Pais à beira de um ataque de nervos”